Como a Agenda 2030 inclui a legalização do aborto

0
Anúncio:

A Agenda 2030, da Organização das Nações Unidas (ONU), traz em seu Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) nr. 5 o termo equidade de gênero. Com uso de eufemismos inclui-se uma série de objetivos ocultos que não são facilmente perceptíveis para quem não está estudando em profundidade esse debate. Entenda resumidamente como a legalização do aborto é inserida dentro da Agenda 2030 da ONU.

No ODS 5, indicador 5.6, os países e instituições envolvidas se comprometem a:
assegurar o acesso universal à saúde sexual e reprodutiva e os direitos reprodutivos, como acordado em conformidade com o Programa de Ação da Conferência Internacional sobre População e Desenvolvimento e com a Plataforma de Ação de Pequim e os documentos resultantes de suas conferências de revisão” .

Anúncio:

No item 216 da Plataforma de Ação de Pequim, assume-se o compromisso de garantir os “direitos reprodutivos da mulher”. O mesmo documento ainda, criado na década de 1990, ainda traz no objetivo C.1., item “k”, que os países signatários devem, dentre outras coisas:
” …considerar a possibilidade de rever as leis que prevêem medidas punitivas contra as mulheres que se tenham submetido a abortos ilegais”

A partir daí basta ver, por exemplo, como a militância em prol do aborto legal atua.

Na petição inicial da ADPF 442, em que o PSOL pede ao Supremo Tribunal Federal a legalização do aborto até 12 semanas de gravidez sob vontade da gestante, diz no item 20,que deveríamos reconhecer o aborto como direito da mulher devido ao fato do Brasil ser signatário do Plano de Ação da Conferência de Cairo de População e Desenvolvimento, bem como a Plataforma de Ação de Pequim, que reconhecem os direitos sexuais e reprodutivos. Frisa-se: a ADPF 442 pede objetivamente e exclusivamente a liberação do aborto.

É neste contexto que a ONU exerce forte influência em legislações nacionais para ampliar o acesso ao aborto, como ilustra notícia de 2017 no site das Nações Unidas Brasil:

Há muito mais para compreender o que é a Agenda 2030 e o que ela representa. Para isso acesse a página Agenda 2030.

Veja ainda, trechos dos documentos:

Colaborou: página Vida Sim, aborto Não (Facebook).
Links:

http://www4.planalto.gov.br/ods/publicacoes/apresentacao-ods-17-objetivos-e-169-metas/@@download/file/Apresenta%C3%A7%C3%A3o%20ODS%20-%2017%20Objetivos%20e%20169%20Metas_PDF.pdf
http://www.onumulheres.org.br/wp-content/uploads/2014/02/declaracao_pequim.pdf




 

Inscreva-se em nossa Newsletter e receba novidades por e-mail.