Anúncio:

A quarta-feira deste dia 27 foi marcada por protestos em São Paulo contra o governador do Estado, João Dória. As manifestações foram organizadas por donos de restaurantes, manifestando-se contra o lockdown, e caminhoneiros contra o aumento do ICMS.

O grupo de caminhoneiros reuniu-se frente ao Estádio Municipal do Pacaembu, na Zona Oeste. De lá partiram em várias direções, passando frente ao Palácio Bandeirantes, sede do governo; Zonal Sul, sede da Secretaria da Fazenda e também nas marginais Pinheiros e Tietê. Segundo informações dos organizadores e da polícia, 900 caminhões participaram do protesto.

Anúncio:

Enquanto a primeira manifestação se volta contra o aumento do ICMS, causado pelas medidas de distanciamento social impostas pelo Governo do Estado, um grupo de donos de bares e restaurantes protesta contra o novo lockdown implementado por João Dória em meio à grande crise vivida pelo setor.

Segundo os organizadores do evento, a ideia é dispor mesas e cadeiras distanciadas em uma faixa do canteiro central, demonstrando que o setor pode funcionar sem riscos de saúde pública.

A escalada de protestos reflete a insatisfação popular e empresarial contra medida autoritárias do governo.