Cantora diz orgulhosa que pôde fazer sucesso com a banda graças a um aborto no começo da carreira

4
Stevie Nicks (Jason Merritt/Getty Images)
Anúncio:

A cantora Stevie Nicks, da banda Fleetwood Mac, disse em uma recente entrevista ao jornal inglês The Guardian que o aborto que fizera ainda nos anos iniciais da carreira a ajudou a seguir adiante com a banda, garantindo-lhe sucesso, o que seria improvável se tivesse que ter o filho à época.

“Se eu não tivesse feito aquele aborto, tenho certeza de que não teria havido Fleetwood Mac. Não havia como eu ter tido um filho naquela época, trabalhando tão duro quanto trabalhávamos constantemente. E havia muitas drogas, eu estava usando muitas drogas”, revelou Nicks. E completou: “eu teria que ir embora.”

Anúncio:

Stevie Nicks ainda relembrou dos conselhos da mãe, que a alertou para não ser dependente de nenhum homem.

“Ela me disse: ‘você nunca vai ficar em uma sala cheia de homens e sentir que não consegue acompanhá-los. E você nunca vai depender de um homem para te apoiar’. Ela martelou isso em mim, e estou tão feliz que ela fez.”

Outro caso de creditar o sucesso da carreira a um aborto foi quando, no começo do ano, na premiação do Globo de Ouro, a atriz Michelle Williams – que estava grávida naquele dia – atribuiu toda a carreira de glamour a um aborto que fizera anteriormente.

“Sou grata pelo reconhecimento das escolhas que fiz e também por ter vivido um momento em nossa sociedade em que a escolha existe, porque, como mulheres e meninas, coisas podem acontecer em nosso corpo que não é nossa escolha”, disse Michelle ao aceitar o prêmio de melhor atriz. “Eu não seria capaz de fazer isso sem empregar o direito de uma mulher de escolher, de escolher quando ter meus filhos e com quem.”