Lady Gaga diz que todos que nascem nos EUA “bebem o veneno da supremacia branca”

2
NBC/NBCU Photo Bank via Getty Images
Anúncio:

A cantora Lady Gaga teceu severas críticas aos Estados Unidos da América numa entrevista recente. A celebridade pop pediu mais “justiça social” e insinuou que todo americano, desde o nascimento até a morte, envolve-se com a “supremacia branca” impregnada naquele país.

“Estou no processo de aprender e desaprender coisas que aprendi durante toda a minha vida”, disse Lady Gaga ao Billboard. Quando você nasce neste país, todos nós bebemos o veneno que é a supremacia branca. Justiça social não é apenas alfabetização, é um estilo de vida.”

Anúncio:

Ao comentar sobre o ativismo de celebridades que postaram recentemente um quadrado preto no lugar de fotos de perfil nas redes sociais, Gaga disse:

“O que eu acho sobre [postar] um quadrado preto? Acho que todo mundo tem um sentimento diferente sobre um quadrado preto. Eu acho que existe algo como ativismo performativo? Sim. Eu acho que tem havido um verdadeiro ativismo que foi muito importante e necessário? Sim. Eu acredito que a vida dos negros importa? Sim. Eu acredito que isso vai se intensificar? Sim. Eu acredito que deveria? Sim.”

Lady Gaga também criticou pessoas que se recusam a usar máscaras para se proteger do coronavírus.

“Dá um tempo”, continuou ela. “Mostre algum respeito pelas pessoas que estão lá para nós quando ligamos para o 911.”