Mulher põe fogo em companheira, dá nome falso em hospital e mente que vítima não tem família

0
Anúncio:

O caso aconteceu em Goiás, na cidade de Planaltina, situada no Entorno do Distrito Federal. Segundo investigações preliminares da Polícia Civil, indicam que uma mulher ateou fogo na própria companheira por ciúme e levou a vítima ao hospital usando um nome falso para não ser descoberta.

O caso começou a ser investigado após denúncia da irmã da vítima. De acordo com o delegado que apura o crime, após um desentendimento motivado por ciúme, a mulher jogou álcool nas costas da vítima e ateou fogo.

Anúncio:

Após oito dias de internação, com queimaduras em grande parte do corpo e diversos procedimentos cirúrgicos, a vítima conseguiu entrar em contato com a família e contar toda a história.

A justiça deferiu o mandado de prisão da mulher, que permaneceu em silêncio. Os nomes das duas permanecem desconhecidos.

*Com informações do Senso Incomum