Universidade americana vai retirar murais da II Guerra Mundial devido à “falta de diversidade”

2
US ARMY PHOTO/Getty Images
Anúncio:

A Universidade de Rhode Island anunciou recentemente que pretende retirar murais que aludem aos eventos da Segunda Guerra Mundial. O motivo é que diversos estudantes se queixaram à diretoria da instituição porque, segundo eles, os murais não eram compatíveis com os “valores de inclusão” da universidade.

“Os murais foram pintados para homenagear as memórias daqueles que perderam suas vidas na Segunda Guerra Mundial. Os murais apresentam várias cenas, incluindo veteranos retornando aos Estados Unidos e uma reunião de classe da Universidade de Rhode Island”, escreveu o Breitbart.

Anúncio:

Kathy Collins, vice-presidente de assuntos estudantis da Universidade de Rhode Island, disse que recebeu inúmeras reclamações de alunos sobre a falta de diversidade dos murais:

“Recebi reclamações sobre os murais que retratam uma população muito homogênea, predominantemente as pessoas pintadas e retratadas na parede são predominantemente brancas e isso não representa quem é nossa instituição hoje. Alguns de nossos alunos até mesmo compartilharam conosco que não se sentiam confortáveis sentados naquele espaço.”

Os murais foram pintados pelo veterano de guerra Art Sherman, hoje com 95 anos de idade e aluno da Universidade de Rhode Island em 1950.

“Ah, adorei pintar isso, sim”, disse Sherman. “Eu nunca tive nenhuma educação formal em pintura pela maneira como costumava fazer desenhos. Bem, aspinturas retratavam aquela época. Muitos alunos, amigos meus, vinham e diziam por que você não faz isso, por que você não faz aquilo, então foi isso que eu fiz para que todos participassem.”