Vazamento de e-mail revela participação dos Antifa em violência extrema em Portland

0
Foto: MBL News
Anúncio:

Um e-mail vazado de um ex-oficial do Departamento de Segurança Interna (DHS) diz que o departamento tem uma “informação avassaladora” de que a violência extremista em Portland foi “organizada” por indivíduos com uma ideologia categorizada como “Anarquista inspirado na Antifa violenta” (VAAI).

A repórter da CBS News, Catherine Herridge, tuitou uma carta que obteve e foi escrita por Brian Murphy, ex-subsecretário interino de Inteligência e Análise do DHS, que disse em julho que a violência em Portland havia atingido um nível que as autoridades não podiam mais controlar. A violência foi “oportunista”, mas foi “organizada”.

Anúncio:

Murphy afirmou no e-mail que os indivíduos que estavam atacando as instalações federais na cidade o fizeram “com base nessas ideologias”.

“Temos informações avassaladoras sobre as ideologias que levam os indivíduos à violência e por que a violência continuou”, continuou Murphy. “Um conjunto básico de atores de ameaças é organizado, aparece noite após noite, compartilha TTPs [táticas, técnicas e procedimentos] comuns e atrai indivíduos com ideias semelhantes para sua causa”.

“Eu reconheço que podemos não ser capazes de atribuir todos os indivíduos como VAAI, no entanto, precisamos olhar para a totalidade da inteligência atual e anterior e reconhecer a motivação para a violência e por que as pessoas têm aparecido para cometer violência por cerca de 60 dias e porque as pessoas estão usando as redes sociais para encorajar o VAAI a cometer atos de violência”, continuou o e-mail.

O e-mail afirmava que, quando um ator de ameaça fosse encontrado que não fosse VAAI, o departamento “obviamente se ajustaria” à circunstância específica.

“O VAAI é específico para Portland e para as instalações federais, estaduais e locais sob ataque violento. Se situações semelhantes surgirem no futuro, o VAAI pode ser usada”, continuou a carta.

O e-mail dizia que a definição do VAAI que o departamento aplicaria no futuro é a seguinte:

“Atores de ameaça que são motivados por ideologias Anarquistas ou ANTIFA (ou uma combinação de ambas) para realizar atos de violência contra autoridades estaduais, locais e federais e infraestrutura que eles acreditam representar autoridade ou representar ideologias políticas e sociais que rejeitam”.

Durante uma entrevista à Fox News no final do mês passado, o secretário do DHS, Chad Wolf, disse que as autoridades federais estavam “visando e revisando” os chefes da Black Lives Matter, da Antifa e aqueles que os financiam.

“O Departamento de Justiça também tem como alvo e investigou o chefe dessas organizações, os indivíduos que estão pagando para que esses indivíduos se movimentem pelo país”, disse Wolf. “O que sabemos… é que vimos grupos e indivíduos se mudarem de Portland para outras partes do país. Tivemos cerca de 175 prisões em Kenosha, quase 100 delas eram de fora do estado. Então, sabemos que eles estão se movendo. Nós os vimos em DC, em Sacramento e em outros lugares. Eles são organizados. Vimos táticas semelhantes sendo usadas em Portland e em outras cidades do país também. Então, sabemos que existe organização. Sei que o Departamento de Justiça também está analisando isso”.

*Com informações do Dailywire