Equipe de engenharia do Twitter lança lista de linguagem inclusiva: “blacklist” agora é proibido

2
(Soumyabrata Roy / NurPhoto via Getty Images)
Anúncio:

A equipe de engenharia do Twitter, seguindo a onda de protestos contra o racismo e por justiça social, elaborou uma lista que contém, segundo eles, palavras não politicamente corretas e que precisam ser sacadas do vocabulário.

“A linguagem inclusiva desempenha um papel crítico na promoção de um ambiente em que todos pertencem. No Twitter, os termos que usamos em nosso código não refletem nossos valores como empresa ou representam as pessoas a quem servimos", disse a equipe em sua conta oficial no Twitter.

Anúncio:

Na lista acima, a empresa discriminou as palavras “não inclusivas” (coluna da esquerda) e as que as podem substituir (coluna da direita).

A palavra “blacklist” (lista negra), por exemplo, usada para fazer referência a algo ruim, é substituída pela palavra “d...

Conteúdo

Clique aqui e desfrute cursos, artigos e estudos exclusivos.
Apoie veículos independentes.


Se você já é assinante faça seu login abaixo: