EUA: 84% dos hospitalizados por covid-19 estavam em isolamento social

0
Anúncio:

Um levantamento feito em 100 hospitais de Nova York mostrou que 84% dos pacientes hospitalizados por infecção do vírus chinês estavam respeitando o isolamento social. O levantamento envolveu 1.000 pacientes e 66% deles estavam em casa. Somados os que estavam em casa e outros grupos que respeitavam regras de isolamento, 84% pode ser considerado dentro dos limites do isolamento social. O governador democrata Andrew Cuomo se diz chocado com a informação.

“Achamos que talvez eles estivessem usando transporte público e tomamos precauções especiais no transporte público, mas, na verdade, não”, disse Cuomo.

Anúncio:

Apenas 2% são moradores de rua, que é outro grupo que se considerava gravemente exposto por não poder fazer um isolamento social em casa.

As previsões de especialistas eram de que haveria uma alta porcentagem de hospitalização de pessoas que estão nas ruas trabalhando em serviços considerados essenciais e isso não se confirmou por esse levantamento. Apenas 11 a 12% dos hospitalizados por Covid-19 eram do grupo que estava trabalhando fora, em serviços essenciais, fora da quarentena horizontal.

Esses dados colocam em xeque a defesa do isolamento total (lockdown) na sociedade, corroborando as teses de médicos como o dr. Antony Wung e o Dr. Osmar Terra, que defendem que haverá uma curva natural e parar o país não provocará achatamento da curva. A curva apresentará declínio à medida que um grande número de pessoas tiver contato com o vírus, ocorrendo a chamada imunização de rebanho.

Assista ao vídeo da apresentação desses dados feita pelo governador democrata Andrew Cuomo:


Informações:
Relevante.news.

 

Inscreva-se em nossa Newsletter e receba novidades por e-mail.