Governo Federal prevê pagar 15 dias para trabalhador doente e auxílio se salário e jornada diminuírem

Trabalhadores que recebem até dois salários mínimos, receberão antecipação de 25% do que teriam direito mensalmente caso requeressem o benefício do seguro-desemprego.

0
Anúncio:

O Ministério da Economia informou na última quinta-feira (19) que planeja pagar um auxílio para os trabalhadores que recebem até dois salários mínimos caso o trabalhador tenha sido afetado pela redução de jornada e salários.

Também anunciou que pretende pagar os primeiros 15 dias de afastamento se o trabalhador tiver contraídos o vírus chinês.

Anúncio:

“Todas as pessoas que recebem até dois salários mínimos e tiverem redução de salário e jornada, receberão uma antecipação de 25% do que teriam direito mensalmente caso requeressem o benefício do seguro-desemprego”, informou o Ministério da Economia.

Segundo o governo, o valor mínimo desse auxílio será de R$ 250 por trabalhador, mas o valor vai variar de trabalhador por trabalhador: “R$ 250 é o piso, é o mínimo que vão receber. Ele vai receber R$ 250 ou mais”, afirmou o secretário especial da Previdência e Trabalho, Bruno Dalcomo.

Ainda de acordo com Dalcomo, “a intenção é incentivar o acordo entre empresa e empregado e preservar os empregos”.

*Com informações do G1