Atriz Debra Messing culpa Trump pela situação do coronavírus nos EUA

“Enquanto o mundo está nas garras do vírus mortal, a atriz de esquerda, Debra Messing, promoveu um vídeo enganosamente editado, alegando que o presidente Donald Trump chamou o coronavírus de "fraude" e perguntou se os apoiadores do presidente, que ela diz que morrerão pelo vírus, percebem agora que ele precisa ser removido do cargo”, informou o Breitbart

2
Frazer Harrison/Getty Images
Anúncio:

Debra Messing, que atuou na série Will & Grace e faturou o prêmio Emmy de melhor atriz em 2003, atacou o presidente americano Donald Trump, em razão das medidas tomadas para o combate da pandemia de coronavírus. A atriz escreveu que “CHEFE MENTIROSO. #Maga [marca da campanha de Trump, aqui referindo-se aos eleitores em geral] não se deixou abalar pelas 16500 mentiras que o 45º [presidente] fez desde que eleito. Agora que inúmeras pessoas (incluindo a MAGA) morrerão, por causa de suas mentiras e inação, eu me pergunto se o MAGA reconhecerá que o 45º deve ser removido? ”

Anúncio:

“Messing, como outras elites de Hollywood e membros da mídia de esquerda, estão promovendo a mentira que o presidente Trump chamou de coronavírus de ‘fraude’. O presidente usou a palavra ‘embuste’ em um comício da campanha para descrever as tentativas dos democratas de politizar o coronavírus”, informou o Breitbart.

A atriz declarou apoio ao candidato democrata Joe Biden nas eleições deste ano e disse, no mês passado, que o presidente Trump coloca os americanos em “perigo mortal”.

 

Inscreva-se em nossa Newsletter e receba novidades por e-mail.