Alegando falta de diversidade, celebridades francesas pedem mais “atores de cor”no cinema francês

0
LP/Guillaume Georges ; LP/Olivier Lejeune ; LP/Frédéric Dugit
Anúncio:

Um fórum de celebridades publicou um manifesto por mais diversidade no cinema francês. “Publicado quarta-feira, 26 de fevereiro, o texto foi escrito por vários artistas famosos que protestam contra os ‘papéis insignificantes’ geralmente confiados a ‘atores, diretores e produtores’ de origens estrangeiras”, noticiou o Valeurs Actuelles.

Para os signatários do manifesto, “a França mantém seus atores de cor em papéis insignificantes que nunca justificam qualquer nomeação para os Césares [prêmio do cinema francês que é semelhante ao Oscar].”

Anúncio:

Entre as celebridades francesas que se mobilizaram nesta demanda estão Olivier Assayas, Mathieu Kassovitz, Stomy Bugsy, Julien Leclercq, Firmine Richard, Olivier Marchal, Aïssa Maïga, Eriq Ebouaney, Sonia Rolland, Edouard Montoute, Jimmy Jean-Louis e Gabrielle Lazure.

O jornal Le Parisien informou que os signatários esperam mudanças na academia do César e que, a partir daí, seja possível a inclusão de artistas tomando-se a diversidade como parâmetro.

O autor do texto, Eriq Ebouaney (ator de origem camaronesa), justificou-se dizendo que “eu gostaria que também se exigisse uma melhor inclusão dos profissionais de cinema vindos dos territórios franceses no exterior e da imigração africana e asiática.”

 

Inscreva-se em nossa Newsletter e receba novidades por e-mail.

 

Deixe um comentário

avatar
8000
  Notifique-me  
Notificar de