Quem financia as entidades que pedem apoio na ONU contra Bolsonaro

3
Anúncio:

A notícia publicada no UOL em 10/03 sobre entidades que foram na Organização das Nações Unidas (ONU) pedir apoio internacional contra Bolsonaro lista algumas das ONGs por trás da reivindicação.

Em rápida análise verificamos que apenas QUATRO dessas ONGs receberam mais de 6 milhões de dólares de fundações internacionais globalistas como Ford, Open Society, Fundação OAK e outras. A ONG Amazon Watch recebeu de fundações internacionais em 1 ano outros 762 mil dólares.

Anúncio:

Artigo 19: 700 mil dólares da Fundação Ford entre 2014 e 2017.

Instituto Vladimir Herzog: 348 mil dólares entre 2013 e 2015, da Fundação Ford.

Conselho Indigenista Missionário: 450 mil dólares recebido apenas em 2014, da Fundação Ford.

ONG Conectas: mais de 4,7 milhões de dólares recebidos de fundações variadas, entre elas, principais doadoras são Ford, Oak Foundation, Open Society e Sigrid Rausing Trust.

O breve levantamento aqui mostra como funciona o esquema globalista de ingerência política internacional. Até o momento, não encontramos a lista completa das 80 entidades para uma pesquisa mais completa, mas apenas com base nestas que foram citadas na matéria do UOL fica evidente o financiamento milionário.

A relatório de gestão da ONG Amazon Watch traz como doadores a Fundação William H. Donner como uma das maiores financiadores, seguida da Fundação OAK e outras. Em 2016-2017, a ONG recebeu um total de 999 mil dólares em doações de fundações, e entre as que doaram mais de 100 mil dólares estavam Fundação Leonardo DiCaprio, William Donner, Fundação Annenberg e outras. Em 2014, entre os principais doadores da ONG estavam Fundação MacArthur e Fundação Leonardo DiCaprio e a ONG destacava trabalhos em parceria com o BNDES.  Se somado o volume de doações recebidas pela Amazon Watch e as outras quatro listadas acima, avaliando os últimos 7 ou 10 anos, a soma das doações supera os 10 milhões de dólares.

“Gabinete do Ódio” versus Gabinete Globalista

A pretexto da filantropia e da proteção do meioambiente ou defesa de direitos baseados em ideologias ambientalista, feminista, abortista e de gênero, milhões e milhões de dólares são destinados ao país de forma sistemática em uma dinâmica de colonização ideológica e interferência política, há anos. Neste caso, a ingerência busca expor o chefe do poder executivo perante o maior organismo internacional (ONU). Enquanto isso, parlamentares brasilerios na “CPMI das Fake News” tentam encontrar e criminalizar supostos financiamentos, talvez na ordem de 1, 2 ou 5 mil reais, a qualquer blogueiro ou internauta que possa manifestar posição política na internet, em uma escalada de censura da livre opinião de cidadãos comuns. Milhões de dólares de fundações internacionais, inegavelmente afetam o ambiente político, porém, no Congresso, a preocupação é se algum perfil do Twitter talvez possa ter recebido algum recurso, por menor que seja. Enquanto cria-se o fantasma do “Gabinete do Ódio”, ninguém fala do milionário “Gabinete Globalista”, que interfere na política, nos debates legislativos, na diretrizes de educação e na cultura do país, com milhões de dólares vindos de fora do Brasil.


Referências

Amazon Watch

https://amazonwatch.org/assets/files/2019-amazon-in-focus.pdf

https://amazonwatch.org/assets/files/fy2017-annual-report.pdf

https://amazonwatch.org/assets/files/2013-amazon-in-focus.pdf

https://amazonwatch.org/assets/files/2014-amazon-in-focus.pdf

Doações da FORD somam 348.491 dólares da Ford entre 2013 e 2015
https://www.fordfoundation.org/work/our-grants/grants-database/grants-all?originatingoffices=%26RegionIds%3D2&page=0&minyear=2013&maxyear=2018&search=%26SearchText%3Dherzog#top

Conectas. Relatório anual 2016. Disponível em <https://www.conectas.org/wp/wp-content/uploads/2017/12/relatorio_anual_2016_PT.pdf>.

Conectas. Relatório Anual 2017. Disponível em <https://www.conectas.org/wp/wp-content/uploads/2018/09/Relatorio_anual_Conectas_2017.pdf>

Fundação Ford
Ford Foundation. Grants Database: https://www.fordfoundation.org/work/our-grants/grants-database/grants-all?originatingoffices=%26RegionIds%3D2&page=0&minyear=2013&maxyear=2018&search=%26SearchText%3DArticle%2019#top

 

Inscreva-se em nossa Newsletter e receba novidades por e-mail.

 

3
Deixe um comentário

avatar
8000
2 Tópicos de comentários
1 Respostas em tópicos
3 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Comentário mais polêmico
3 Autores dos comentários
LucSVittorio SerafinMilton Spada Autores de comentários recentes
  Notifique-me  
newest oldest most voted
Notificar de
tonhospada@gmail.com
Membro
tonhospada@gmail.com

Aceitar que estas mentiras sejam repetidas impunemente reforça a narrativa. O Gov Bolsonaro precisa rebater, ou teremos outra tática da “panela de pressão” que resultará em derrota na guerra cultural. A censura às mídias alternativas, em andamento, confirma esta impressão.

Vittorio Serafin
Visitante
Vittorio Serafin

Creio que a ONU deve ser contestada ! A fórmula e responder por carta ao chefe da Michelle Bachelet e Cia., mostrando os erros e fazer “vazar” pela imprensa como eles fazem ! De quebra processar a ONU na corte Internacional por prejuízo a imagem do país através de campanha sistemática de conotação exclusivamente política !

LucS
Visitante
LucS

“fazer ‘vazar’ pela imprensa como eles fazem” ?!?!

É ruim, hein… é exatamente a imprensa que sustenta essa desonestidade intelectual!!!
Inocência achar que a imprensa vai divulgar aquilo com que ela não concorda… é como ir reclamar com o cafetão que muitas “mocinhas” estão “caindo na vida”…