Professora de escola americana compara Donald Trump a nazistas e comunistas

4
Spencer Platt/Getty
Anúncio:

Uma professora de história na escola Loch Haven High School, região de Towson, localizada no estado americano de Maryland, está debaixo de críticas de políticos republicanos após ter comparado o presidente Donald Trump a nazistas e comunistas durante uma aula de história, conforme apurou em primeira mão o The Washington Times.

O caso ocorreu no início deste ano quando a professora mostrou slides que mostravam o presidente americano do lado de símbolos nazistas e bandeiras comunistas. Havia, nos slides, a explicação de que estes movimentos políticos queriam construir muros e separar as pessoas.

Anúncio:

Alguns políticos da região ficaram indignados com o caso. Kathy Szeliga disse que “isso é horrível. É uma má conduta educacional.”

Contudo, o porta-voz da escola, Charles Herndon, tentou justificar a aula e abstrair qualquer cunho de doutrinação:

“Os tópicos discutidos na aula incluíram Guerras Mundiais e as tentativas de alguns líderes ao longo da história de limitar ou impedir a migração para certos países. Isolada e fora de contexto com a lição, a imagem pode ser mal compreendida.”