Jornal “The Guardian”alerta para a iminente “catástrofe climática”

1
Peter Summers/Getty
Anúncio:

“Sem ações urgentes para se adaptar e enfrentar o aquecimento global”, declara o Guardian, a Europa poderá enfrentar “possíveis incêndios florestais, inundações, secas e dilúvios” até o ano 2100.

A autora da matéria, Jennifer Rankin, predisse que a catástrofe climática que a Europa enfrentará será grande.

Anúncio:

Como lembrou o Breitbart, o jornal inglês escreveu em 2018 que a mudança climática é a ameaça mais perigosa enfrentada pela Inglaterra:

“A mudança climática é uma ameaça maior para o Reino Unido do que as diretivas da UE, o terrorismo ou uma potência estrangeira invadindo”, escreveu Simon Lewis, professor de ciência da global da University College London.

Em outra postura radical, o The Guardian decidiu asfixiar qualquer corrente contrária ao “consenso” do aquecimento global, colocando na defensiva os “detratores” ou “céticos em relação às mudanças climáticas”.

O Breitbart detalhou como o jornal tem agido em situações como essas:

“Em seu compromisso de alimentar o medo de um apocalipse climático, o Guardian assumiu uma posição cada vez mais radical sobre a questão da mudança climática, revisando seu léxico oficial e proibindo qualquer coisa que indique ceticismo em relação à devastação ambiental prometida pelos alarmistas.

 Em maio passado, o jornal declarou que não falaria mais de ceticismo climático, mas apenas de ‘negadores’, substituindo termos como ‘mudança climática’ e ‘aquecimento global’ pelas expressões mais carregadas de emoção como ‘crise climática’ e ‘aquecimento global’.”

As políticas ecologistas já tomam forma de quase “uma religião” na Europa. A Alemanha, por exemplo, negociou, no início deste ano, o fechamento gradativo de usinas de carvão em todo o país e prepara o redirecionamento de toda a economia para que se torne “sustentável”.

 

Inscreva-se em nossa Newsletter e receba novidades por e-mail.

 

1
Deixe um comentário

avatar
8000
1 Tópicos de comentários
0 Respostas em tópicos
0 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Comentário mais polêmico
1 Autores dos comentários
Marcos da Silva Autores de comentários recentes
  Notifique-me  
Notificar de
Marcos da Silva
Visitante
Marcos da Silva

The Guardian é um Jornal de Extrema ESQUERDA Europa que deixa seu site totalmente aberto somente pedindo doações aos visitantes.

Isto Ajuda a influenciar Jornalistas Mundo a FORA e pessoas sem viés nenhum que se informam ATRAVÉS desta fonte gratuita!
Já o Jornal Conservador Telegraph ñ deixa o site aberto Como o Guardian faz.

Espero que um Dia a Direita consiga Fazer o mesmo ou se concientise da importancia de Fazer o mesmo