Governo cria novo canal de denúncias de crimes de corrupção e lavagem de dinheiro

Objetivo é ampliar e agilizar a comunicação entre empresas e governo na prevenção de crimes.

0
Foto: IsaacAmorim/AG.MJ.
Anúncio:

O Ministro Sérgio Moro, do Ministério da Justiça e Segurança Pública, em conjunto com a ICC Brasil, lançou quarta-feira (29/01), um canal exclusivo para receber denúncias de corrupção, lavagem de dinheiro, pirataria e crimes cibernéticos. Pelo site da ICC (www.iccbrasil.org), pessoas físicas e jurídicas poderão registrar denúncias de atos ilícitos que serão analisadas pela Ouvidoria-Geral do Ministério. A iniciativa é inédita e é resultado de um memorando de entendimento assinado entre o Ministério da Justiça e Segurança Pública e o ICC em 2019.

A iniciativa é inédita no Brasil. Uma nova fase de comunicação direta e permanente entre o setor empresarial e o governo, fortalecendo a credibilidade internacional do Brasil, aperfeiçoando a política de compliance dos entes públicos e privados.

Anúncio:

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, afirmou que existe um simbolismo muito importante no combate ao crime quando o setor público e setor privado trabalham juntos. “A corrupção jamais funciona com óleo para engrenagem da economia, ao contrário, a corrupção é algo que nos deixa pra trás”, destacou Moro.

A cerimônia de lançamento também contou com a presença do ministro da Controladoria Geral da União, Wagner Rosário; Brasilino Pereira dos Santos, subprocurador-geral da República, de Daniel Feffer, presidente do Conselho da ICC Brasil; Tânia Consentino, presidente da Comissão de Responsabilidade Corporativa e Anticorrupção da ICC Brasil e presidente da Microsoft Brasil; Carlo Verona, membro da Comissão de Responsabilidade Corporativa e Anticorrupção da ICC Brasil.

*Com informação do Ministério da Justiça