O mito da origem nazista da propaganda ainda convence muita gente

1
À esquerda, Goebbels e, à direita, Edward Bernays, o verdadeiro pai da propaganda.
Anúncio:

Muita gente que estudou comunicação acha que a propaganda foi inventada por Joseph Goebbels, ministro da propaganda nazista, fazendo das cartilhas nazistas verdadeiros manuais de propaganda política. Isso é feito ainda hoje por partidos de extrema-esquerda, o que não deixa de ser adequado à sua ideologia. Mas esse mito, além de falso, seduziu muita gente nos meios de comunicação e faz parte daqueles lugares comuns repetidos como se fossem verdadeiros. Na verdade, a propaganda moderna nasceu no capitalismo e não era nada nacionalista, embora também não fosse um tratado de liberdade individual.

Ao enfatizarem o marco histórico da propaganda nazista, muitos professores e formadores de opinião vindos de meios políticos acabaram criando essa mitologia. Até o ex-presidente Lula já chegou a se declarar, em entrevista, admirador de Hitler, pela sua "força de vontade de fazer o que achava que ...

Anúncio:

Conteúdo

Clique aqui e desfrute cursos, artigos e estudos exclusivos.
Apoie veículos independentes.


Se você já é assinante faça seu login abaixo: