EUA: homem é condenado a 16 anos de prisão por queimar bandeira LGBT

3
Alexander Spatari via Getty Images
Anúncio:

Apurou-se que o contexto do ato que resultou na prisão de Martinez foi porque a bandeira arco-íris foi hasteada numa igreja cristã no estado americano de Iowa.

Conforme o canal Associeted Press apurou, "as sentenças devem ser cumpridas consecutivamente, mostram os registros do tribunal do condado de Story... Martinez disse que derrubou a bandeira que estava pendurada na Igreja Unida de Cristo em Ames e a queimou porque se opõe à homossexualidade.”

Anúncio:

O Daily Wire criticou a servera punição dada ao caso e notou que “a sentença de 15 anos desencadeou um debate mais amplo sobre o excesso ou não do estado, especialmente à luz do fato de que queimar a bandeira americana agora é considerado liberdade de expressão.”

De acordo com a jurisprudência da Suprema Corte dos EUA no caso Texas v. Johnson, queimar a bandeira americana é um discurso de liberdade de expressão.

O Wire ainda deixou ...

Conteúdo

Clique aqui e desfrute cursos, artigos e estudos exclusivos.
Apoie veículos independentes.


Se você já é assinante faça seu login abaixo: