EUA: homem é condenado a 16 anos de prisão por queimar bandeira LGBT

3
Alexander Spatari via Getty Images
Anúncio:

Apurou-se que o contexto do ato que resultou na prisão de Martinez foi porque a bandeira arco-íris foi hasteada numa igreja cristã no estado americano de Iowa.

Conforme o canal Associeted Press apurou, "as sentenças devem ser cumpridas consecutivamente, mostram os registros do tribunal do condado de Story... Martinez disse que derrubou a bandeira que estava pendurada na Igreja Unida de Cristo e...

Anúncio:

Conteúdo exclusivo.

Clique aqui e se torne um assinante por apenas R$ 14,90 mensais ou R$ 125,16 ao ano (30% off).

A mídia independente precisa do seu apoio!

 

Inscreva-se em nossa Newsletter e receba novidades por e-mail.

 

3
Deixe um comentário

avatar
8000
2 Tópicos de comentários
1 Respostas em tópicos
1 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Comentário mais polêmico
2 Autores dos comentários
RodrigoZk'Alff Autores de comentários recentes
  Notifique-me  
Notificar de
Zk'Alff
Visitante
Zk'Alff

” Eu ENTENDI ? O sujeito pode queimar a Bandeira dos EUA mas jamais a tal dos ‘LGBTTQIXYZW’? E nos EUA ? Eu pergunto : aquilo é ou FOI um País livre ” ?????

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Episódios como este são um exemplo de perseguição a cristãos por conta de sua consciência. O condenado não incendiou uma boate gay e nem atacou fisicamente quaisquer pessoas. Mas ao exercer sua liberdade de expressão, crença e consciência – sem ferir ou prejudicar de facto alguma ou qualquer pessoa, objetivamente falando – foi condenado a uma cana de dezesseis anos. Se é considerado liberdade de expressão queimar a bandeira do próprio país, que representa uma nação multicolor, multiracial, de vários credos e credo nenhum, de vários posicionamentos políticos; porque não seria assim considerado também queimar a bandeira de uma comunidade… Read more »

Zk'Alff
Visitante
Zk'Alff

” ‘Protocolar’ meu caro Rodrigo . ‘PROTOCOLAR’ ….. ” !!!!!!!!!!