Lava Jato mira filho de Lula em esquema milionário com a OI

0
Imagem: Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) realiza nesta terça-feira, dia 10, uma nova fase da Operação Lava-Jato. São cumpridos 47 mandados de busca e apreensão nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia e Distrito Federal. A Polícia e o Ministério Público Federal (MPF) investigam repasses de R$ 132 milhões da empresa de telefonia Oi, direcionados para as empresas do filho de Lula, Fabio Luis Lula da Silva, o Lulinha.

Batizada de “Mapa da Mina”, essa é a 69ª fase da Operação Lava-Jato e um desdobramento da 24ª fase (a mesma que levou Lula para depor).

A Operação investiga crimes de corrupção ativa e passiva, organização criminosa, tráfico de influência internacional e lavagem de dinheiro envolvendo contratos ou acertos suspeitos com repasses milionários a grupo econômico integrado por pessoas físicas e jurídicas investigadas na 24ª fase da operação, informa a Polícia Federal.

A operação Mapa da Mina envolve mais de 200 policiais federais, com o apoio de 15 auditores fiscais da Receita Federal, informou a PF.

Siga Estudos Nacionais no Twitter e no Facebook 

Veja também: Bolívia busca ajuda de Israel na luta contra o terrorismo

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of