Para Deborah Duprat, “autodefesa não pode ser um direito”

14
foto: pixabay

Em nota à Câmara dos Deputados, a procuradora do Ministério Público Federal, Deborah Duprat, defendeu que “a ‘autodefesa’ não pode ser um direito”, ao se referir a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 100/19, que busca introduzir o direito fundamental do exercício da legítima defesa.

Segundo a Procuradora, somente o Estado pode fazer uso da força, pois ao Estado pertence o monopólio do “uso da força legítima”.

Segundo informações do Estadão e trecho da nota divulgada, para a Procuradora a autodefesa do cidadão vai no sentido contrário à noção de solidariedade:

Ativismo político no Ministério Público

A procuradora Deborah Duprat tem tido destaque em apoio de pautas progressistas, o que lhe rendeu recentemente o Prêmio [email protected] da Cidadania LGBTI, conferido por entidades de esquerda. Mas posições favoráveis às narrativas de esquerda não têm sido vistas apenas sob a condução dessa procuradora. Recentemente, a alta cúpula do Ministério Público Federal criou um mecanismo de monitoramento e censura para procuradores em todo o Brasil, por meio de um monitoramento do que os procuradores publicam nas suas redes sociais, de forma a prevenir abertura de eventuais “inquéritos administrativos disciplinares”. O portal Jota, à época, avaliou que a medida teria relação com posicionamentos de Deltan Dallagnol, acusado pelo senador Renan Calheiros (MDB-AL) “de ter feito campanha contra ele e tendado influenciar resultado das eleições” para presidência do Senado no início de 2019.

Outra pauta que Deborah Duprat entrou recentemente dividindo opiniões e favorecendo reivindicações de esquerda foi a do Homeschooling, onde a procuradora criou pressão e obstáculo para o Executivo Federal em relação a regulamentação da prática do ensino domiciliar.

14
Deixe um comentário

avatar
13 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
12 Comment authors
JOEL CARVALHO - Distrito FederalRodrigomarco silvaRuth apostólicoCaio S. Duarte Recent comment authors
  Subscribe  
Notify of
Ricardo
Visitante
Ricardo

Se ela confia no “Estado” pra defendê-la, é porque deve ter policiais ao seu dispor o tempo todo. Se o cidadão comum depender da polícia pra se defender, vai morrer certamente. Então seja uma ovelha para o abate.

Telmo De Toledo
Visitante
Telmo De Toledo

MAIS UMA COMUNISTA ORDINÁRIA DE PLANTÃO, QUE EXIGE SEGURANÇA ARMADA PARA PROTEGE-LA E QUER QUE A POPULAÇÃO SE FODA.

ORDINÁRIA

Marcio Bamberg
Visitante
Marcio Bamberg

Esta senhora deve estar doente… ou Freud explica!

Mms
Visitante
Mms

Essa Senhoura tem esta ridicula posição por não saber o que é estar na mão de um bandido, onde muitas vezes o crapula já se drogou para ter coragem de realizar tal ato, estando o mesmo fora de si ameaçando sua esposa e filhos de morte e outros atos que são inaceitaveis para qualquer pai de familia, inclusive na familia dela, acredito eu. Ai pergunto para a Sra procuradora; Você vai pagar para ver até onde o crapula está disposto a ir? Ou na primeira oportunidade você desarma o elemento e se preciso for você até atira em legitima defesa.… Read more »

Carlos
Visitante
Carlos

Queria ver se um estuprador invadisse a casa dela e pegasse a mãe ou um filho dela se ela ia ficar só observando o estupro…
Ia pegar no órgão do estuprador e falar calma o buraco é aqui ó!!!