‘Coletivo’ que impediu recolhimento de apostilas por Dória tem apoio de Soros, Fundação Ford e Oak

3
Anúncio:

O autor da ação que resultou na decisão da 9ª Vara da Fazenda Pública de Sâo Paulo anulando a decisão do governador João Dória que determinava o recolhimento das apostilas do 8ª ano da rede estadual é o Coletivo de Advogados de Direitos Humanos (CADHu). O Coletivo é um projeto do Fundo Brasil de Direitos Humanos, entidade que recebe vultosos recursos de doações da Fundação Oak, Fundação Ford e da Fundação Open Society, de George Soros.

O governador determinou na última semana o recolhimento imediato das apostilas com conteúdo de ideologia de gênero por considerar um erro terem sido elaboradas e distribuídas.

Anúncio:

Apesar do Fundo Brasil de Direitos Humanos ter financiamento de fontes variadas, verifica-se que as tradicionais fundações globalistas dedicam especial atenção aos trabalhos desse fundo.

A Fundação Ford, entre 2014 e 2017 doou um total de 3 milhões e 653 mil dólares para o F...

Conteúdo

Clique aqui e desfrute cursos, artigos e estudos exclusivos.
Apoie veículos independentes.


Se você já é assinante faça seu login abaixo: